Em Chapadinha, Brandão e Dino preferem Magno Bacelar; Higor Almeida dá piti e pula de carro durante carreata

A falta de habilidade política da coordenação do governador e candidato a reeleição Carlos Brandão (PSB) e do candidato ao Senado Flávio Dino (PSB), permitiu a maior confusão em plena carreata em Chapadinha entre duas lideranças antagônicas em âmbito local, que apoiam ambas candidaturas.

 

O ex-candidato a prefeito de Chapadinha e agora candidato a deputado federal pelo PSB, Higor Almeida, deu o maior piti na última sexta-feira (09) no município por não querer dividir o mesmo espaço com o ex-prefeito ficha suja da cidade, Magno Barcelar (PP).

 

Higor, nitidamente incomodado com a presença de Magno Barcelar na caminhonete que também estavam Brandão, Dino, o deputado Paulo Neto e outras lideranças, exigiu de forma alterada e desequilibrada do governador tampão a saída do adversário local e ao ser contrariado, saltou do veículo em movimento durante o evento.

 

Nas redes sociais se referindo a Magno, mas sem citar outros políticos tradicionais presentes no ato, Higor postou, “vocês sabem que daquelas lideranças ali tem nome que eu não vou citar e que não é da minha convicção andar junto e estar perto”.

 

 

Um heterogêneo de estrelismo e malandragem impulsionou o vexame protagonizado por Higor, que se intitula em Chapadinha um político novo e diferente, porém, as práticas exposta após as eleições municipais de 2020, as negociatas por cargos no governo tampão de Brandão e a exigência de cifras milionárias do fundo partidário do PSB de Dino, deixam claro, o quanto o ‘novo’ com práticas arcaicas é “diferente”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

Publicidade

Publicidade
Publicidade